Maria Thereza do Amaral

Posts Tagged ‘mundo’

Folha

In E... on 3 de julho de 2012 at 4:38

 

Se eu for seguindo uma folha que vai com o vento, aonde iria dar?

Abismos, planícies, morros, estradas, casa, cabanas, lagos, mares, ilhas, vulcões…

E depois disso?

E depois de ter andado, atrás desta folha, em abismos, planícies, morros, estradas, casa, cabanas, lagos, mares, ilhas, vulcões?

E depois de ter visto, ouvido, sentido, falado, vivido… onde eu estaria?

Cheia? Vazia? Completa? Em formação?

Eu dançaria ao vento, como uma folha solta?

Eu pousaria suavemente ao solo, como uma folha seca?

Eu daria rodopios no ar, como uma folha à brisa?

Eu completaria o solo, como uma folha verde?

Eu faria parte do húmus, como uma folha em decomposição?

O que eu faria?

E para onde eu iria depois?

Talvez eu quisesse ser uma folha em uma árvore.

Círculo completo, quase ao contrário, mas de folha solta no mundo, eu aprenderia como ser a folha em uma árvore, uma folha em uma árvore, uma folha  nomeio a outras folhas.

Eu aprenderia a viver no meu mundo.

Eu seria meu mundo.

Eu seria o mundo de outras pessoas.

.

Anúncios

O mundo que eu quero

In E... on 5 de dezembro de 2010 at 1:51

.

Eu quero viver num mundo onde eu possa sentar no meio fio de uma rua para ver a lua cheia e quando houver alguém chegando, eu saiba que é para sentar e admirar comigo a luz da lua.

Eu quero viver num mundo onde sorrisos sejam fartos, onde tristezas sejam passageiras, onde gentilezas sejam a regra, e não a excessão.

Eu quero viver num mundo luminoso, onde as crianças sejam as crianças de todos, onde os idosos sejam capazes de viver por si numa coletividade que os respeita e onde possam exercer sabedoria e não exclusão.

Eu quero viver num mundo cheio de árvores, flores, praças, mares, lagos e rios, limpos e cristalinos.

Eu quero viver num mundo em que a lógica da prosperidade e abundância seja a regra e onde todos possamos dormir no verão com a janela do quarto aberta, sentindo a brisa entrar.

Eu quero viver num mundo leve e iluminado como uma manhã de primavera.

Eu quero viver feliz e fazer o mundo ao meu redor feliz.

Isso é um mundo melhor?  Sim, e é o mundo que EU SEI que vou ter…

.

.

 

 

Vôo…

In E... on 5 de novembro de 2010 at 12:12
 

spiral up, upload feito originalmente por Paul Weiser.

.
Vôo
Vôo solto, sem destino, sem emoção, por correntes de ar e ventos.
.
Vôo
E assim, em circulares vôos, percebo onde estou e flutuo.
.
Vôo.
E quando aceito voar em esperais ascendentes, contemplo e sinto o mundo.
.
Vôo
E paradoxalmente, quando subo em direção ao infinito, me fixo na terra (Terra).
.

Regras

In E... on 5 de abril de 2010 at 19:02

beam me up, upload feito originalmente por littlelakey.

.
O problema não são as regras.
.
Eu gosto delas, elas ordenam o mundo.
.
Mas regras não podem servir para restringir, elas devem guiar, construir, mostrar e ser soluções, ajudar a montar cenários de análise.
.
Jamais deveriam ir contra as lógicas da abundância, ações colaborativas, crescimento pessoal e coletivo ( do grupo, principalmente), visão mais abrangente de mundo, restringir de modo quase absoluto mudanças, atc,etc.
.
Regras não podem ser os controles que restringem, tem que ser o corrimão que ajuda a subir.
.
Regras, do jeito que existem, me fazer agir como: “Porque existem regras? Para serem quebradas…”.
.

O mundo…

In Pontos de vista, Por que não ?, Subjetividades on 27 de novembro de 2009 at 11:51

.

Eu espero ansiosamente o dia em que o mundo funcionará em fluxos e nodos intensos, igualitários, balanciados, mas nunca iguais.

.

O mundo interligado por tudo e por todos.

.

Um mundo em que todas conexões e nodos funcionem continuamente como abaixo, mas sem se cristalizar em nenhuma.

.

Os modelos de nodos e relações e seus fluxos

.

Respeitando diferenças, nuances, multiplicidade, complexidades.

Em que ‘personas’ não restrinjam pessoas, mas que as enriqueçam.

Em que o diferente seja igual e que os ‘iguais’ nunca discriminem os ‘diferentes’.

Um mundo que fique cada vez mais azul, com nodos dourados pontuando todo o planeta.

.

.

We are the World

In Músicas on 27 de junho de 2009 at 21:40

.

We are the World

Ainda válido.

E com muita gente boa cantando.

.

.

Playing For Change Band: A Change Is Gonna Come (live)

In Músicas on 18 de junho de 2009 at 17:46

.

Música é algo que conecta o corpo à alma.

Ouvir boa música é algo que não tem preço, é algo que é necessário à vida, é algo que dá prazer em estar onde se está.

A música abaixo me fez sentir isso.

A sensação é muito boa.

.

.

A música muda o mundo.

.

Playing For Change – Stand By Me

In Músicas, Por que não ? on 25 de fevereiro de 2009 at 1:28

http://playingforchange.com

Continue lendo »

%d blogueiros gostam disto: